Manicure brasileira é luxo na Alemanha | Maniküre auf Brasilianisch

Entre_duas_culturas_Beleza_Brasil_8a
Não é segredo para ninguém que nós, mulheres brasileiras, gostamos de cuidar da nossa estética. E não é por acaso que existe um salão de beleza em praticamente cada esquina no Brasil. Não importa se você mora numa região nobre da cidade, num bairro simples ou até mesmo numa comunidade carente. Ande alguns metros pelas ruas desse bairro e você vai encontrar rapidamente um dos nossos queridos salões de beleza!

Quem não gosta de fazer aquela faxina no corpo, um verdadeiro ritual de beleza: cabelo, unhas, depilação, massagem…?! Ê, beleza!

Entre_duas_culturas_Beleza_Brasil_5a

Me lembro da minha adolescência no Brasil e dos meus horários marcados todas as sextas-feiras num salão perto do escritório em que eu trabalhava… Me lembro das minhas unhas perfeitas e também das unhas da minha ortodontista (rsrsrs) – sempre impecáveis!

Uma das coisas que mais me fazem falta aqui na Alemanha é de poder ir regularmente à manicure. Não que não existam salões de beleza brasileiros aqui em Düsseldorf. Mas confesso que dói muito no bolso pagar 50 Euros (aproximadamente 180 Reais – conversão atual) para fazer pé e mão! Então, só em dia de festa mesmo (e essa festa tem que ser muiiiiito especial:))

Me lembro bem do dia em que meu irmão caçula, direto e sincero como só irmãos o sabem ser, me disse em alto e bom tom, ao olhar para as minhas unhas: “Nossa, você está precisando tirar a cutícula”! Fiquei pra morrer!!!!!

Entre_duas_culturas_Beleza_Brasil_6a

Então, como eu faço para cuidar das minhas unhas aqui na Alemanha? Bom, eu tento dar uma enganada legal. Tiro o excesso de cutícula, lixo, passo um esmalte do Brasil (acho melhor do que os daqui…) e sempre penso comigo: “Bom, até que dá para o gasto” – hehehehe

Agora, fazer as unhas do pé já são outros 500. Acho muito complicado, fico meio desengonçada para passar o esmalte. Para vocês terem uma ideia: Da última vez que fui fazer minhas unhas do pé (eu mesma, há umas duas semanas), o maridão ficou nervoso ao me ver reclamando comigo mesma porque eu não estava conseguindo tirar os excessos do esmalte direitinho. Eu tinha borrado demais. E sabem o que ele fez? Pegou o palitinho e um pedaço de algodão molhado com acetona e terminou o serviço pra mim:)) Descobrimos que ele tem mais paciência do que eu!!!!

Entre_duas_culturas_Beleza_Brasil_1a

E daí você me pergunta: “Mas, Rode, na Alemanha não tem manicure? Olha, tem sim, mas os salões que eu conheci até agora só oferecem unhas de gel. E como eu não quero problemas com as minhas unhas, eu nem começo com a brincadeira… Tenho muitas amigas alemãs, e observei o seguinte: Ou elas não têm o costume de fazer as unhas como nós brasileiras e mantém as unhas curtinhas e sem esmalte (mas bem cuidadas!) ou elas passam esmalte nas unhas, mas deixam as beiradas sem pintar!!!!! Acho que é para evitar borrar demais. Com certeza, muito prático, mas eu prefiro não aderir a essa moda…

E você, também mora na Alemanha e sente falta das queridas manicures brasileiras? Como faz para manter suas unhas bonitinhas? Espero que vocês sejam mais talentosas do que eu, neste sentido… Ah, e se alguém tiver uma dica de onde fazer as unhas bem feitas por um precinho camarada aqui em Düsseldorf, compartilhe aqui com a gente onde é!

Bom, vou ficando por aqui porque preciso dar um jeito nas minhas unhas. Amanhã é dia de voltar ao trabalho e é claro que eu não vou para a sala de aula sem meu querido esmalte vermelho:)

Até a próxima,
Rode


Es ist kein Geheimnis, dass wir Brasilianerinnen viel für unser Aussehen tun. Egal, wie viel man (oder besser gesagt, frau) verdient: Regelmäßige Besuche bei einem salão de beleza, einem Schönheitssalon, gehören in Brasilien einfach zum Alltag dazu: Haarstyling, Waxing, Maniküre. Wahrscheinlich gibt es nirgendwo anders auf der Welt so viele Schönheitstempel wie in meiner Heimat…

Ich erinnere mich noch sehr gut an meine Teenagerzeit. Da war es mir heilig, jeden Freitagnachmittag zu meinem Lieblingsschönheitssalon zu gehen, um mir die Nägel professionell maniküren zu lassen. Diesen Luxus habe ich mir damals schon gern gegönnt:) Ich habe immer ein bisschen von dem Geld, das ich bei einem Nebenjob verdient habe, dafür zur Seite gelegt.

Perfekt gestylte Nägel sind übrigens den meisten brasilianischen Frauen sehr wichtig. Und gehört alles dazu? Nägel feilen; Nagelhaut weich machen, zurückschieben und danach vorsichtig entfernen; Nägel polieren; Unterlack und die Lieblingsfarbe großzügig auftragen; den Farbüberschuss am Rand des Nagels mit einem Rosenholzstäbchen entfernen und zuletzt die Farbreste auf der Haut wegmachen (Video dazu hier).

Und was machen wir, wenn wir nach Deutschland kommen? Wir müssen improvisieren und fangen an, uns die Nägel selber zu maniküren. Die einen kriegen es besser hin als die anderen… Und wenn ihr mich fragt, warum ich mir nicht einfach einen brasilianischen salão de beleza in Düsseldorf raussuche und dorthin hingehe, dann versteht ihr es, wenn ich euch erzähle, wie viel der Spaß hier in Deutschland kostet: Um die 50 Euro für Maniküre und Pediküre… Da bleibt einem nichts anderes übrig, als selbst zu einer Expertin zu werden – oder zumindest es zu versuchen…

Vor circa zwei Wochen war ich dabei, mir die Fußnägel zu machen. Mit allem  Drum und Dran, natürlich. Und weil ich meine Schwierigkeiten dabei hatte, das so hinzubekommen, wie ich es mir in den Kopf gesetzt hatte, kam mein Mann dazu und sagte, dass er sich mein Gejammer nicht länger anhören kann. Da fing er an, mir (mit einer erstaunlich großen Geduld!) den Farbüberschuss am Rand des Nagels mit einem Rosenholzstäbchen und einem Wattepad zu entfernen. Ich habe seine Hilfe natürlich dankend angenommen und freue mich auf seine Unterstützung beim nächsten Mal.

Entre_duas_culturas_Beleza_Brasil_3a

Immer, wenn ich in Brasilien bin, gehört ein wöchentlicher Besuch bei einer Maniküre einfach dazu. Ich lasse mir gleich Termine geben, wenn ich dort ankomme. Dort kostet dieser kleine Luxus deutlich weniger als hier – um die 25 Reais (ungerechnet 7 Euro!!!!).

Solltet ihr mal nach Brasilien kommen, dann MÜSST ihr unbedingt zu einem brasilianischen Schönheitssalon hingehen und euch verwöhnen lassen, mit allem, was dazu gehört. Und mit perfekt gestylten Fingernägeln werdet ihr in Brasilien dann kaum auffallen:))
————-
Blog: www.entre-duas-culturas.de
Facebook: https://www.facebook.com/entre.duas.culturas
Instagram: @entre_duas_culturas
Twitter: @entre2culturas

Veröffentlicht von Rode

Brasileira, residente na Alemanha, docente universitária e blogueira apaixonada por idiomas e viagens | Brasilianerin in Deutschland, Uni-Dozentin und Bloggerin mit einer großen Leidenschaft für Sprachen und Reisen

36 Kommentare

  1. Dann werde ich schon mal mindestens 25 Reais zurücklegen, damit ich demnächst in Brasilien überprüfen kann, ob das auch stimmt ;)

  2. Oi, eu mesma faço minha unha, demorei para aprender hoje ficam perfeitinhas, não gosto dos esmaltes do Brasil porque demoram muito para secar, eu só uso a marca ESSIE, é otimo e duram quase 1 semana intactos na unha. Veja vídeos no youtube de como fazer as unhas vc vai aprender sempre alguma dica, usar oleos e empurrar a cuticula tanbem é ótimo pode ser ate oleo de amendoas ou oliva. E aqui na Alemanha manicure nao retiram a cutícula e só pintam a unha da metade p frente, fica um horror. Como dizia uma amiga minha “ quando a água bate na bunda aprendemos a dar uns pulinhos“ kkkk… depois que vim morar aqui aprendi é dar saltos. Bjs

  3. Poxa, estou precisando ir exercer minha profissão na Alemanha! Sou brasileira e manicure, atualmente moro em Portugal. Aqui o pé e mão custa 21,50€ , pés 15€ e mãos 6,50. É muito engraçado porque as portuguesas não gostam de jeito algum de fazer as unhas com outras manicures portuguesas, a primeira pergunta que fazem quando chegam é se a manicure é brasileira HAHAHA. Adoro seu blog! Beijinhos !

    • Que interessante, Weilla! As portuguesas sabem o que é bom então:)
      Obrigada por acompanhar o blog!
      Beijos

  4. Oi Rode, tudo bem?? Estou de mudança para a Alemanha ano que vem e curioso que essa semana resolvi fazer o desapego das unhas feita em salão para já ir me acostumando com a falta de oferta de serviço a la brasileira por aí.

    Eu tb sou mais a nossas marcas de esmaltes. A ultima vez que estive na Alemanha me arrisquei e compre dois vidrinhos da Essie, mas confesso que não compraria de novo pelo preço pois na minha unha foi a mesma durabilidade do que os brasileiros ou até pior.

    Eu comprei aí aquele removedor de cutícula da p2 e usei essa semana ao invez de tirar a cuticula e estou hidratando com cerinha três vezes ao dia tb. Quando as unhas ficam bem cuidadas a cutícula dá uma afinada, nao concorda? Mas tem que ter paciência né, pq é tao bom sair do salao com as unhas perfeitas!!!

    Adoro seus posts! Sempre acompanho!!!
    Parabens pelo blog!!
    Tenha uma otima semana!!! Arrase com o vermelhao! hehe

    Bjinho!!!

    • Oi, Cássia!
      Obrigada por acompanhar o blog!!!
      Olha, você faz muito bem em já ir se desapegando do luxo de ir sempre à manicure! Aqui, só em dia de festa mesmo…rsrsrs
      Beijos
      Rode

  5. Oi Pessoal, eu vou na Tereza e adoro. Além do salão ser bem localizado (Altstadt), o serviço é ótimo. Super recomendo!
    Tereza de Almeida Kosmetic
    Mutter-Ey Straße 5 2. Etage
    40213 Düsseldorf
    Mobil: 0173 76 00 454

  6. Eu faço minha unha desde novinha e, sem pensar duas vezes, levei todo meu aparato quando passei um tempinho na Deutschlândia. Minhas amigas já tinham me explicado como funciona pra manter as unhas aí e eu não tive dificuldades, mas os esmaltes são péssimos. Schade! :(

    • Verdade, Liz! Os esmaltes da aqui são horríveis! Sempre compro vários quando vou ao Brasil!

  7. Olha, moro nos EUA e aqui um pé e mão mixuruca não sai nada menos que uns $40.00 !!! Sem contar que o serviço delas aqui (geralmente são vietnamitas que dominam os salões) é muito mal feito: deixam cutícula e o esmalte sai com 5 dias…Sinto muito falta do atendimento do Brasil e do serviço também. Nesse quesito, a brasileirada dá de 10×0!
    Beijos!

    http://vivendolaforanoseua.blogspot.com/

    • Verdade, Gisley! Não tem quem faça unha melhor que as brasileiras!!! Ai, que saudade de um salão brazuca!!! Beijos

  8. Eu vi um groupon aqui pra minha esposa muito bom… 20 euros… procura no groupon.

  9. Olá Rode,
    Sempre leio com interesse os seus „postes“ e hoje resolvi „contribuir“.
    Moro há quase 30 anos na Alemanha em Heidelberg e vejo uma grande evolução no setor beleza. Existe aqui ( acredito também em outras regiões ) uma cadeia operacionada por asiaticos que fazem além da manicure e pedicure com gel somente a manicure. Paguei a semana passada pela manicure com o meu esmalte 14 €. Gosto muito, elas ou eles não „cutucam“ tanto e não usam acetona para fazer a correção já que passam o esmalte bem rente a pele sem deixar espaço. É quase ua arte e muito agradável de se observar.Só posso recomendar!!!
    Um grande abraço e parabéns pelo seu blog.
    Cecilia Werner

    • Olá, Cecília!
      Obrigada por sua mensagem! Adorei saber que você me acompanha por aqui!
      Eu, sinceramente, tenho medo de usar unhas de gel e estragar as minhas, mas legal saber da sua experiência! Quem sabe outras leitoras não se animam a seguir a sua dica…?:)
      Beijos
      Rode

  10. Rode querida!
    Leio faz muito tempo o seu blog e dessa vez pensei em escrever algo aqui. Quando eu cheguei na Alemanha, logo notei a questão das unhas. A minha antiga Gastmutter me olhava com olhos arregalados quando eu aparecia de esmalte, sempre pedindo onde eu havia aprendido a fazer sozinha. Ela tinha diversas cores, mas quando tentava pintar, ia mais esmalte no dedo do que na própria unha. Por pena, acabei ensinando umas técnicas, mas nada ajudava naquele caso.
    Agora que estou morando em outra cidade, as vezes faço a unha de amigas no jeitinho brasileiro. Tiro cutículas, passo base, esmalte, as vezes até colo um adesivo (não sei fazer os desenhos direto nas unhas) e elas se sentem em casa… tão bom se sentir bonita e diferente! Minha chefe ficava encantada com minhas unhas do pé (com francesinha) quando eu usava rasteirinhas no emprego durante os dias quentes…
    Acho a questão de unhas algo muito instintivo, se precisa tempo e paciência para dominar a técnica – mas quando se sabe, se torna algo muito fácil.
    Essa é a diferença mais gritante entre brasileiras e alemãs: o cuidado com o próprio corpo! Brasileiras ganham de lavada :)
    Adorei sua postagem! Beijos.

    • Oi, Bruna!
      Adorei sua mensagem e ler sobre suas experiências! Olha, que sortuda você! Eu ainda estou aprimorando meus talentos nessa área…rsrsrs
      Beijos
      Rode

  11. Oi!
    Eu aprendi na marra a fazer pé e mão por aqui e estou bem satisfeita com a minha técnica, até acho que „sai“ bem rápido. Ao contrário de voce, acho fazer o pé ate melhor, dura mais, hehe Mas siiiim que saudade das manicures brazucas. Nao só da manicure em si, mas do aspecto cultural da coisa ne? Aquela unha perfeitinha em meia hora, uma fazendo seu pé, a outra sua mao, daí , daí bate um papo, lê uma revista Caras, deixa uns 30 reau e vai embora… A maioria das minhas colegas de trabalho nao faz unha nao, realmente… :)))

    • Nem me fale, Ana! Que saudade de um salão brazuca!!! rsrsrs
      Abraços*
      P.S.: Parabéns pelo seu blog! E eu adorei seu sotaque de mineira:)

  12. Olá, Rode!
    Como vai? Adorei seu texto!

    Lendo seu texto me deu vontade de voltar a estudar alemão e ir trabalhar como Manicure ai! A concorrência no Brasil está difícil.. hahaha
    Um pergunta: Como é tratada a questão da Depilação ai na Alemanha? Sei que as alemãs não são muito adeptas do estilo brasileiro, mas como as brasileiras lidam com essa questão? Tem dificuldade de encontrar Depiladoras? Custa caro? Como é?

    Beijos e até mais!

    • Olá, Eliane!
      Geralmente há salões de beleza brasileiros nas grandes cidades do país. O problema é que os preços são bem salgados… Mas tô por fora dos preços atuais… Desculpe!
      Beijos
      Rode

      • Bom dia Rode ☀️?. Espero que esteja tudo bem com suas unhas ?
        Lir o seu comentário e verídico.Sem contar que aqui é difícil encontrar cabelo,depilação e unha junto. Como profissional eu falo realmente não dar para comparar o preço daqui com o brasil , eu cobro 50 euros nas atendo a domicilio Apartir do 1 de maio estarei com meu Studio na minha casa então o valor abaixa . Com esse 50 que cobro tenho que as vezes pagar estacionamento,Diesel , repor os materiais ,tempo para ir de uma para outras as cidade são distante e o meu trabalho, pois sou a manicure ?? ambulante desde dos meus 17 anos só 30 anos se passaram ,eu compro todo meu material aqui na Alemanha ?? . Realmente toda semana 50 e muito para o bolso . Tem uma espátula aqui que tem uma abertura encima com ela e nas fácil de tirar as cutículas. Quanto as unhas do pé eu mesma faço o meu e um tormento faço por etapas a coluna pede ajudar. Se não fosse tão distante daria para vc vir mim visitar e fazer as unhas ?? no meu Studio o preço será um pouco nas favorável já que vai ser na minha casa .adorei seu comentário.
        Se algum dia vier para o lado de cá ficaria feliz ? em te receber .
        Dreieich 63303
        Um grande abraço ?

        • Que pena que fica longe de Düsseldorf, mas quem sabe um dia dá certo, né?
          Obrigada pelo carinho, Josilene:)
          Beijos*

  13. Eu estou aqua na alemanha a 8 messes sou Casada .estou a procure de trabalho com alongamento faco o no Americano a teal entrelacada. CORTE PENTEADO ALONGAMENTO DE QUERATINA ,TRABALHO COM MAQUINA DE COSTURAR CABELO .TRABALHO NO RAMO A 12 ANOS

  14. Oi Rode
    Moro a 25 anos em Remscheid, e sempre fui louca por ter as unhas feitinhas….
    Sempre fiz eu mesma, até mesmo no tempo que morei no Brasil, claro para fazer o pé sempre fui no salão, e hoje com quase 50 anos ( nao estou mais tão elástica) e com uns kilinhos a mais principalmente na barriga é uma verdadeira batalha fazer o pé, mas mesmo assim faço pedikure pelo menos 2x ao mês, ja minhas mãos. …ah minhas mãos faço toda semana quando nao até 2x , na semana como aconteceu agora.
    Sou louca pelos esmaltes brasileiros e sempre peço para alguem trazer um para mim. Eu só conheço um salão em Düsseldorf ( carinho que nossa) ja fui la psra algumas ocasiões especiais, mas se der para fazer ei mesma não dou meu dinheiro .

    • Olá, Gloria!
      Realmente a gente tem que aprender a se virar um pouco… rsrs
      Tudo de bom e unhas lindas pra você:)

  15. Tb estou no time das que aprenderam fazer sozinhas. O pé eu apanho um pouco pra fazer, principalmente o pé direito, mas dá pro gasto.
    Eu trouxe do Brasil um monte daquelas luvas e botinhas de plástico, já com creme que amoloce bem a cutícula, ajuda muito.

  16. Olá, Rode.
    Meu nome é Eleni. Minha filha esta morando na Alemanha na cidade de Erlangen e não encontra manicure por lá . Se vocês souberem de alguém por favor passe contato para nós.
    obrigada.

Schreibe einen Kommentar

Pflichtfelder sind mit * markiert.