30 sinais de que sou uma mistura entre Brasil e Alemanha | Deutsch-brasilianische Mischung


🇧🇷 Moro há muitos anos aqui na Alemanha, mas nasci e cresci no Brasil… O resultado dessa mistura na minha vida se mostra, por exemplo, nos meus costumes cotidianos. A bandeira do Brasil corresponde aos costumes brasileiros, e a da Alemanha aos alemães. Vamos à lista :

🇩🇪 Hier kommen einige meiner Gewohnheiten, die eine Mischung aus brasilianisch und deutsch sind. Der deutsche Text kommt immer nach dem Strich |. Die brasilianische Flagge stellt meine brasilianischen Gewohnheiten dar, während die deutsche Flagge meine deutschen Gewohnheiten darstellt. Hier sind sie:

1.  🇧🇷 Adoro bebidas bem geladas | Ich liebe eiskalte Getränke

2. 🇩🇪 Tomo café sem açúcar | Ich trinke meinen Kaffee ohne Zucker (unvorstellbar für die meisten Brasilianer!)


3. 🇧🇷 Tenho musiquinha na cabeça pra tudo! (Meus alunos alemães morrem de rir por causa disso!) | Ich habe für alles ein brasilianisches Lied im Kopf! Meine Studis wundern sich immer, wie viele Lieder ich kenne:)

4.  🇩🇪 Sempre tiro os sapatos quando chego em casa | Ich ziehe die Straßenschuhe immer aus, wenn ich nach Hause komme


5.  🇧🇷 Exagero na quantidade de comida quando recebo visita | Ich bereite immer viel zu viel Essen zu, wenn ich Gäste bekomme


6. 🇩🇪  Eu assoo o nariz sem cerimônia na frente dos outros (mas nunca à mesa!!!!) | Ich putze mir die Nase in Anwesenheit anderer (in Brasilien ist das ein No-Go!!!)

7. 🇧🇷  Sempre aviso antes de falar que vou/quero dizer alguma coisa: Frases do tipo ó, vou te dizer uma coisa; O que eu queria dizer é o seguinte; Escuta o que eu vou te falar... E também faço isso em alemão (rsrs) | Ich habe oft eine Art Einleitungssatz im Gespräch. Sehr brasilianisch ist es, seinen Gesprächspartner darauf aufmerksam zu machen, dass man etwas „Wichtiges“ sagen möchte. Wir verwenden häufig Sätze wie Ich werde dir was sagen; Es ist so…; Pass auf…; Hör mal zu, was ich dir sagen werde… Teilweise übertrage ich diese Gewohnheit auch auf das Deutsche, ohne es zu merken

8. 🇩🇪 Sempre carrego uma pacotinho de lencinhos de papel na bolsa, os famosos Taschentücher, em alemão | Ich habe immer eine Packung Taschentücher dabei…

9.  🇧🇷  Adoro sobrancelhas e unhas feitas (algo sagrado para nós mulheres brasileiras, né?!) | Ich lege viel Wert auf gemachte Augenbrauen und Maniküre und Pediküre (wie alle brasilianischen Frauen!)


10.  🇩🇪 Adoro misturar água com gás nos meus sucos, mistura que chamamos de Schorle em alemão, ou comprar os que já vêm prontos | Ich mache gern aus jedem Saft eine Schorle ou trinke einfach gern eine leckere (fertige) Apfelschorle. In Brasilien ist eine solche Kombination nicht üblich


11. 🇧🇷  Adoro minhas Havaianas! No inverno uso-as com meia (em casa, claro!) | Ich trage sehr gern Flipflops – auch im Winter (mit Socken dazu). Aber natürlich nur zu Hause!

12. 🇩🇪  Aprendi a gostar de jogos de tabuleiro de estratégia, já que meus amigos alemães e o maridão adoram! | Ich spiele mittlerweile gern Strategiespiele (mochte ich früher überhaupt nicht)


13. 🇧🇷  Sou muito ligada à minha família | Ich habe einen sehr engen Kontakt zu meiner Familie

14. 🇩🇪  Decoro a casa de acordo com as estações do ano | Ich dekoriere meine Wohnung gemäß den Jahreszeiten. Das würde in Brasilien nicht funktionieren, weil sie dort nicht ausgeprägt sind wie hier


15.  🇧🇷 Sou hospitaleira e gosto de caprichar quando recebo visitas (mas estou aprendendo a exagerar menos… rsrs) | Ich bin gastfreundlich und biete meinen Gästen gern das Beste (obwohl ich gerade lerne, alles eine Nummer kleiner zu machen, weil wir Brasilianer in diesem Punkt gern übertreiben…)


16. 🇩🇪  Faço trilhas com o maridão (eu o-di-a-va no início!!!) | Mittlerweile gehe ich gern wandern – vorausgesetzt mein Mann übertreibt nicht bei der Kilometerzahl:)


17. 🇧🇷  Preciso de praia, calor e sol quente pelo menos uma vez ao ano! Me leve para as praias do Brasil, da Espanha, da Grécia (#peloamor!) | Ich brauche (mindestens) einmal im Jahr den Strand, die Sonne und das Meer! Das ist lebenswichtig für mich!


18.  🇩🇪 Se almoço, não janto – ou vice-versa. .. Como os alemães, agora eu só como uma refeição “quente” por dia | Ich esse nur einmal warm am Tag


19.  🇧🇷 Não saio de casa se estiver chovendo e se puder evitá-lo (quando estou de folga, por exemplo) | Ich gehe beim Regenwetter nicht gern aus dem Haus


20. 🇩🇪  Adoro passar horas tomando café da manhã nos fins de semana, assim como os alemães | Ich frühstücke gern sehr ausgiebig

21.  🇧🇷 Não consigo ficar parada quando escuto alguma música tocando | Bei Musik kann ich einfach nicht still halten

22. 🇩🇪  Como as duas metades do pão separadamente e não juntas (tipo sanduíche). | Ich schneide das Brötchen beim Frühstück in zwei Hälften (in Brasilien isst man sie eher zusammengeklappt)

23. 🇧🇷  Chego na praia já com o biquíni por baixo da roupa (muitos alemães trocam de roupa na praia mesmo). Não tenho coragem de me trocar na frente dos outros | Ich ziehe mich nie am Strand um, sondern habe immer meine Badesachen schon an, wenn ich zum Strand komme

24. 🇩🇪 Como legumes crus picadinhos em qualquer lugar. Em casa, no ônibus, no trabalho, durante uma caminhada… | Ich esse gern rohes Gemüse als Snacks – und zwar überall: zu Hause, unterwegs, in der Schule, auf der Arbeit


25. 🇧🇷  Tomo dois banhos por dia, um de manhã e um de noite | Ich dusche zweimal am Tag (morgens und abends)

26. 🇩🇪 Curto dias de sol ao máximo – principalmente no inverno | Ich genieße die Sonnentage ganz bewusst (die waren früher ganz normal für mich)

27. 🇧🇷 Chego atrasada a festas (àquelas que eu sei que vai ter mais gente e não somente eu e meu marido | Ich komme bei privaten Verabredungen (z.B. Partys) zu spät

28. 🇩🇪  Não faço (mais) cerimônias na hora de aceitar algo que me tenham oferecido (seja ajuda, comida…) | Sofort zuschlagen, wenn jemand mir was anbietet – sei es etwas zum Essen, Trinken oder Unterstützung

29. 🇧🇷  Sou boa de improvisação. Prezo muito uma boa organização, mas tem hora que é preciso improvisar, e isso nós brasileiros dominamos e muito bem:) | Wie die meisten Brasilianer, kann ich gut improvisieren, wenn es drauf ankommt!

30. 🇩🇪 Aprendi a dizer não claramente! | Ich sage mittlerweile auch offen nein (Wir Brasilianer tun uns schwer damit)
.
.
.
🇧🇷 E aí, se identificou com essa mistura de culturas? Conte-me como é com você também! Abraços e até a próxima!

🇩🇪  Lebst du auch zwischen diesen beiden Kulturen? Dann freue ich mich auf deinen Kommentar, wie diese Mischung bei dir so aussieht! Bis bald und viele Grüße!

Rode
———————-
Blog: www.entre-duas-culturas.de
Facebook: https://www.facebook.com/entre.duas.culturas
Instagram: @entre_duas_culturas

Veröffentlicht von Rode

Brasileira, residente na Alemanha, docente universitária e blogueira apaixonada por idiomas e viagens | Brasilianerin in Deutschland, Uni-Dozentin und Bloggerin mit einer großen Leidenschaft für Sprachen und Reisen

16 Kommentare

  1. Ótimo texto Rhode, parabéns. Me identifiquei bastante. Sou bem mais suíça do que brasileira, moro aqui no Brasil faz alguns anos só. Mas é interessante estudar sua lista. Eu sempre tiro os sapatos quando chego em casa e graças a Deus meu marido (brasileiro) tira também. As visitas normalmente não, mas tudo bem, posso viver com isso. Acho tão lógico tirar os sapatos e colocar um chinelo que se usa só dentro…um pouco respeito para quem limpa o chão, na nossa casa, seria eu :).
    Eu gosto de legume cru picado mas já como bem menos do que quando morava na Suíça….eu adoraria de caminhar mas ninguém quer ir comigo e eles dizem para eu cuidar quando quero ir sozinha porque é perigoso…eu tomo o café sem açúcar, ainda…eu tmb adoro a praia, queria ir bem mais do que vamos ;)…., se pudesse acrescentar uma coisa na lista: Eu não gosto que a televisão tá ligada o tempo todo…me atrapalha…prefiro conversar com as pessoas…tmb não entendo como as pessoas podem ficar em casa na frente da televisão em pleno dia de sol…
    eu posso substituir uma refeição por dia para um pãozinho sem problema nenhum…meu marido não gosta muito isso… ;). Eu gosto de ir no salão e fazer minhas unhas e fazer uma escova no cabelo…porem, não costumo fazer as unhas toda semana…mas tô me acostumando…percebi que até a faxineira tem as unhas sempre feitas e quando a cabeleireira olhou para minhas unhas e perguntou „vc não faz suas unhas??!“ eu decidi de mudar isso e fazer elas com mais frequência do que só uma vez no mês…tô me acostumando. Agora, fazer uma escova eu adoro. Na Suíça isso não existe, no máximo vc faz um penteado quando vai em um casamento mas tá bem caro. Como meu cabelo tá bem comprido acho o máximo quando alguém lava e seca ele por mim e o resultado fica bem melhor do que quando eu mesmo tento…
    Eu tmb sou muito ligada à minha família e especialmente nos domingos morro de saudade…
    Eu não gosto de fazer „Tischspiele“, nunca gostei…Agora a questão da quantidade de comida quando vem visitas é um ponto interessante: Meu marido sempre acha que precisa mais…eu sempre acho que já temos mais do que suficiente…cada vez é assim…é que eu não gosto de jogar comida fora…e o que eu vou fazer com tantas restinhos? Já aprendi a fazer mais do que eu iria, só para ter certeza que não vai faltar (em geral, os brasileiros tmb comem bem rsrs).
    Obrigada pelo post, adorei!

    • Adorei seu comentário, Rebekka!!! Você também vive entre duas culturas:)
      Quanto à manicure: Aproveite para cuidar bem de você enquanto você está aí no Brasil… Aqui é tudo tão caro:/
      Abraços e continue me prestigiando com sua leitura e comentários tão interessantes!
      Rode

  2. Hallo Rode!
    Herzlichen Glückwunsch für drei Jahre, Dein Blog.
    Die Idee zu Deinem Jubiläum ist fantastisch.
    Was Du schreibst ist sehr interessant. Und sehr gut gestaltet!!
    Ich lese es gerne. Ich kann vieles nachvollziehen. Ich lebe jetzt seit ca. 12 Jahren hier in Curtiba. Aber mit meinem Portugiesisch habert es noch etwas.
    Weiter so!
    Danke.
    Abraços e beijo,
    Konrad.

    • Hallo, Konrad!
      Danke für die Glückwünsche! Schön, dass mein Blog dir so gut gefällt!
      Alles Gute und viele Grüße nach Curitiba!
      Rode

  3. Oi, Rode!
    Que legal, eu adoro o seu blog! Principalmente gosto do fato que você escreve em alemao e em português, eu costumo enviar para os meus amigos alemaes e também para os meus Tandempartner! É muito legal essa comparacao entre as duas culturas, eu me enxerguei em todos os pontos que você citou!
    A parte de tomar 2 banhos por dia, eu também sou assim, mas todos os alemaes me xingam muito, eles simplesmente nao entendem!!! rs
    No inverno tomo só 1 banho por dia, mas no verao eu nao consigo! Eles dizem assim „Annelise, vai estragar a sua pele! você nem suou, por que vai tomar banho de novo?“.
    Outra coisa é o fato de eu ficar com preguica de sair de casa quando está chovendo… pois no Brasil o fato de estar chovendo é super aceitável como desculpa para nao ir a um compromisso (quando nao for trabalho, universidade, etc..) e aqui eles nao entendem! Rs. Aprendi a ser menos fresca e a curtir o tempo, mesmo com a chuva!

    Continuo acompanhando você e seus posts!

    Um abraco!

    • Oi, Annelise!
      Fico feliz em saber! Obrigada!
      Realmente a questão do banho eles nunca vão entender… rsrsrs
      Continue me prestigiando com suas visitas por aqui:)
      Abraços!
      Rode

  4. Café sem açúcar, nada de sapato dentro de casa, café da manhã demorado aos finais de semana, dizer não sem cerimônia, lenço de papel na bolsa, assoar o mais sem cerimônia, sair no frio e na chuva já estão na minha rotina, mesmo morando no Brasil (com imensa vontade de morar na Alemanha desde 2005!). Calor e praia, amo, e confesso que também iria de biquíni já… Adorei!

  5. Nossa Rode eu super me identifico!
    Adorooooo o seu blog é maravilhoso! Adoro essa possibilidade de ler em português e alemão, pra quem está aprendendo o idioma é otimo. Adoro também como você descreve o cotiadiano de quem vive na Alemanha e de quem tem um marido alemão :) eu me vejo muito nos seus textos, principalmente nas coisas que os alemães adoram fazer como caminhadas, trilhas, sair pra rua com qualquer tempo, jogos de tabuleiros.. enfim coisas que nós esposas acabamos nos adaptando e algumas delas até gostando pra valer!
    Parabéns pelo lindo trabalho e muito obrigada por dividir conosco a suas experiências.
    Abraços de Berlim, Mara

    • Querida Mara,
      Obrigada por esse lindo comentário e por tamanho carinho! Mensagens assim me motivam a continuar escrevendo:)
      Beijos de Düsseldorf
      Rode

Schreibe einen Kommentar

Pflichtfelder sind mit * markiert.